Saiba como administrar uma pequena empresa

Administrar empresa

Descubra os pontos importantes sobre como administrar uma pequena empresa!

Administrar empresa

Saiba como administrar uma pequena empresa

Você sabe a importância de administrar uma pequena empresa? Toda empresa de sucesso tem por detrás uma boa administração empresarial. Isso porque o sucesso está intimamente ligado a técnicas de planejamento, organização e administração. Sendo assim, esse é o primeiro pilar para quem quer ter sucesso com uma empresa pequena.

 

Se você está neste caminho e quer aprender mais sobre como administrar uma pequena empresa, continue a leitura até o final para descobrir os quatro pontos mais importantes da administração empresarial. Além disso, você encontrará a seguir dicas para aplicar em todos os setores da empresa. Confira!

 

Treinamento na empresa

Pequena empresa

Treinamento na pequena empresa

A administração de qualquer empresa começa com conhecimentos básicos sobre o próprio negócio e produto oferecido. Para que uma pequena empresa se destaque diante de tantas outras, é importante que ela saiba exatamente em que mercado atua e qual produto ela oferece. Sendo assim, é fundamental que o empreendedor tenha conhecimento de mercado para começar a administrar a sua pequena empresa.

 

Além desse treinamento básico, os profissionais que atuam nessa empresa também precisam saber exatamente o que fazer. Isso quer dizer simplesmente ter profissionais qualificados e treinados de acordo com os objetivos da empresa. Mas antes de treiná-los, é importante definir quais são os objetivos da empresa e como ela se destaca no mercado de atuação.

 

Quando isto estiver bem definido, é importante que o empreendedor promova um treinamento da equipe de trabalho. Em mercados extremamente competitivos, os funcionários mais bem preparados podem auxiliar com mais eficácia na solução de problemas e na elaboração de estratégias.

 

Esse tipo de investimento, chamado  de capital humano, é o maior responsável pelo desenvolvimento de uma pequena empresa. O treinamento de pessoas é capaz de gerar novas habilidades e promover o crescimento de competências existentes na equipe de trabalho da empresa.

 

Por fim, é importante destacar que esse tipo de treinamento promove aumento da motivação dos funcionários e, consequentemente, aumento da produtividade em diversos setores. Mais do que o próprio salário, o treinamento é a forma mais eficiente de reter talentos em sua empresa, algo que é imprescindível para a realização do seu trabalho.

 

Zona de conforto

Zona de conforto na empresa

Diferente do primeiro ponto da administração empresarial, a zona de conforto é uma condição onde a empresa e os indivíduos se habituam a sensação de segurança. Dessa forma, as situações de estresse, esforço e desconforto são evitadas a todo custo por medo do desconhecido.

 

Essa situação é observada em diversos negócios, podendo atingir principalmente as empresas que já estão bem estruturadas no mercado. Por mais que a zona de conforto pareça inofensiva, ela é fortemente associada ao impasse empresarial, que é aquela terrível situação onde a empresa tem queda da produtividade, da venda e não consegue mais ir para frente.

 

O maior sinal de que sua empresa está na zona de conforto é quando o desenvolvimento fica estagnado. Embora a empresa esteja vivendo uma fase boa, ou até muito melhor do que a fase inicial, o desenvolvimento da empresa não ocorre mais com a energia e eficiência do início da empresa. Isso significa que a administração da empresa se acomodou e literalmente “colocou os pés sobre a mesa“.

 

A boa notícia é que esse quadro pode ser revertido através de algumas técnicas simples. Se você está angustiado em ver o crescimento da sua pequena empresa estagnado, comece as seguintes técnicas:

 

  • Inove: a melhor forma de sair de um impasse empresarial é inovando. Se a sua pequena empresa não dá sinais de desenvolvimento isso significa que as velhas estratégias não estão sendo eficientes. Sendo assim, a primeira coisa que você deve fazer é justamente inovar em estratégias que permitam o crescimento empresarial.

 

  • Mude: as mudanças são sempre bem-vindas, mesmo aquelas que causem desconforto em primeiro momento. No geral, tudo que é novo gera desconforto, mas isso não significa que seja algo ruim. Muito pelo contrário, tudo que é novo faz com que a empresa saia da zona de conforto e encare novos desafios.

 

  • Terceirize: para focar em pontos mais importantes para o seu negócio, deixe aquele trabalho burocrático ou sistemático para profissionais qualificados. Mas nem por isso você precisa contratar vários funcionários, aposte na terceirização. O mesmo pode ser aplicado para as tecnologias. Invista em tudo que permite maior liberdade para focar em estratégias importantes para o seu negócio.

 

Fluxo de caixa em pequena empresa

Pequena empresa

Como administrar uma pequena empresa

A parte financeira da sua pequena empresa não pode deixar de contar com uma boa administração do fluxo de caixa. De uma forma bem simples, o fluxo de caixa de uma empresa é todo o controle financeiro que ocorre dentro de um determinado período. Através desse importante instrumento, é possível controlar as entradas e as saídas realizadas em diversos períodos.

 

Isso é extremamente importante para a tomada de decisões. Através dessa administração, é possível otimizar, alocar e até mesmo economizar nos recursos da empresa. Além disso, o fluxo de caixa tem um papel muito importante para identificar os lucros da empresa.

 

Quando uma administração de fluxo de caixa é eficiente, é possível identificar quais gastos são desnecessários e podem ser cortados sem o comprometimento da produtividade da empresa. Isso permite corrigir desperdício de recursos, o que diminui os gastos e aumenta ainda mais o lucro.

 

Administração de pessoas

Como administrar uma pequena empresa

O funcionamento de uma empresa só é possível com a ajuda de profissionais. Sendo assim, é indispensável que a empresa, seja ela pequena ou grande, tenha uma boa equipe formada por pessoas capacitadas e competentes.

 

Tão importante quanto isso é a administração dessa equipe. Embora o empreendedor seja o topo do negócio, sem a ajuda de pessoas competentes, empresa nenhuma consegue se estabilizar. Por isso, é importante que o empreendedor saiba lidar com as pessoas que atuam na empresa.

 

Nesse caso, é importante que o empreendedor pense nos benefícios de seus colaboradores, assim como na saúde e bem-estar. Além disso, a equipe deve ser bem treinada e estar de acordo com os interesses da empresa.

 

Por fim, se o empreendedor não tiver habilidades para lidar com a administração de pessoas, ele ainda pode ter como base uma equipe de RH terceirizada para despender essa função. Mas isso não anula totalmente as funções do empreendedor como patrão, ele ainda deve ter o controle das pessoas que atuam em sua empresa.

 

Você gostou deste artigo? Não deixe de compartilhar a experiência com outras pessoas!

Comentários Facebook

3 Comments

Leave A Response

* Denotes Required Field